Marcelo Chamusca

Marcelo, é irmão de Péricles Chamusca, técnico que chamou a atenção ao comandar o Santo André no título da Copa do Brasil de 2004, tendo Sérgio Soares, hoje treinador do Ceará, como seu auxiliar.
Ex-jogador, Marcelo começou a trabalhar fora das quatro linhas em 1994, comandando o time juvenil do Vitória. Quatro anos depois, ele assumiu a equipe júnior do Rubro-Negro baiano e, no mesmo ano, foi treinar os juniores do Sport.
Chamusca ficou no Leão pernambucano até 2000, também trabalhando como coordenador técnico. Já no Bahia, foram dois anos como técnico da equipe júnior e uma passagem como coordenador técnico, mesmo cargo que assumiu no Palmeiras Nordeste, em 2003.
A primeira experiência como auxiliar técnico foi em 2004, no São Caetano. Foi neste cargo que Chamusca, trabalhando muitas vezes ao lado do irmão Péricles, permaneceu até 2012, passando por outros clubes do Brasil e também equipes do exterior. Ao deixar o Al Jaish, do Qatar, ele deu mais um passo na carreira ao assumir o comando do Vitória da Conquista. Chamusca chegava ao clube baiano com diversos títulos em todos os cargos pelos quais passou.
Marcelo Chamusca se consagrou um treinador com uma carreira bastante representativa, trilhando vitórias no comando de times nacionais e internacionais, e se destacando em alguns campeonatos. Ele gosta de desafios, é muito comprometido e a disciplina é fundamental para o sucesso.