Posts

confira-5-dicas-sobre-planejamento-financeiro-para-mudanca-de-carreira.jpeg

Confira 5 dicas sobre planejamento financeiro para mudança de carreira

Muitos profissionais já pensaram em fazer uma mudança de carreira ou até mesmo abrir um negócio próprio. Só que uma das primeiras preocupações que os impedem de realizar essa transição é o dinheiro. A boa notícia é que ter um bom planejamento financeiro pode ser o pontapé inicial para acabar com todas as dores de cabeça relacionadas a esse assunto e partir para essa tão sonhada mudança de uma vez por todas.

Sendo assim, preparamos um post especial com algumas dicas para que você possa se planejar financeiramente e obter sucesso profissional nesse novo ano que está prestes a começar. Quer saber quais são? Então continue a leitura e confira!

1. Livre-se das dívidas antigas

Se você não tem dívidas, está no caminho certo para começar um bom planejamento financeiro para a sua tão sonhada mudança de carreira. Mas se você está com a listinha cheia, principalmente devido à crise econômica que o país enfrenta, essa é a primeira coisa que precisará resolver para começá-la. Tentar renegociar ou parcelar valores antigos pode ser uma excelente medida para iniciar esse processo.

2. Faça uma reserva financeira antes da mudança

Ao começar uma nova carreira a tendência é que os ganhos atuais sejam muito menores que os anteriores. Portanto, procure construir, mesmo que aos poucos, uma reserva financeira especial para algumas emergências, como manutenções no carro, conserto de celular ou outro aparelho eletrônico, compra de algum medicamento necessário e gastos inesperados com veterinário. Assim, você não ficará sem dinheiro e poderá ter uma mudança muito mais tranquila e sem medos.

3. Tenha objetivos claros

Outra dica muito importante para ter um bom planejamento financeiro na mudança de carreira é traçar objetivos claros e definidos de acordo com seu grau de importância. Com isso, o consumo imediatista vai começar a perder força.

Estabeleça pelo menos um de curto, outro de médio e um de longo prazo, e analise o quanto precisará economizar mensalmente para atingir cada um deles. Dessa forma, você dará mais prioridade para as despesas que serão significativas em sua vida e evitará gastos por impulso.

4. Reavalie o seu padrão de vida

Cada pessoa tem o seu padrão de vida e a sua própria maneira de gastar e organizar o seu dinheiro. Enquanto algumas têm facilidade para poupar, outras sempre cedem às compras por impulso e ficam no vermelho antes do fim do mês.

Diante disso, é muito importante reavaliar essas questões até encontrar um equilíbrio financeiro que permita poupar ou até mesmo investir. Uma boa dica é anotar e acompanhar mensalmente suas receitas e despesas identificando, assim, algumas possibilidades de corte e os melhores potenciais de economia para o futuro.

5. Conte com a ajuda de um coaching de carreira

Um coaching pode ser uma excelente ajuda nessa fase de planejamento financeiro para mudança de carreira, sabia? Afinal, esse profissional o acompanhará em todo o processo de transição e o ajudará a identificar cada etapa dessa mudança tão importante.

Com ele, você vai descobrir habilidades, definir metas e objetivos, identificar seus pontos fortes e fracos e ainda ganhar o estímulo necessário para enfrentar os desafios financeiros e pessoais dessa mudança. Desse jeito, suas chances de sucesso ficarão cada vez mais altas

Essas são as principais dicas para ter um bom planejamento financeiro a fim de entrar no novo ano com o pé direito e uma grande mudança de carreira. No entanto, é importante saber que esse processo exige muita disciplina e comprometimento, além de ser algo que se conquista aos poucos e que não traz um retorno financeiro muito agradável no período inicial. Mas isso não é motivo para desanimar, certo? Afinal, quando se faz algo que ama, a recompensa inevitavelmente vem com o tempo. Só é preciso ter paciência.

E aí, gostou de conhecer as principais dicas para ter um bom planejamento financeiro na mudança de carreira? Conhece mais alguma ou quer expressar a sua opinião sobre o assunto? Então deixe seu comentário abaixo e compartilhe-a conosco!

transicao-de-carreira-por-que-devo-me-planejar-corretamente.jpeg

Transição de carreira: por que devo me planejar corretamente?

Formar e seguir a profissão escolhida é o sonho de muitas pessoas, mas em alguns casos esse objetivo pode ser alterado e o profissional se depara com uma necessidade de mudar suas escolhas e seguir outro caminho. É assim que muitos acabam fazendo uma transição de carreira.

Quando a pessoa não sabe como progredir em seu trabalho ou acaba se sentindo desestimulada e esgotada com sua profissão, geralmente, pensa em fazer uma mudança de ramo. Além disso, essa mudança também pode partir de uma necessidade de se encontrar no mercado.

Contudo, para transformar sua trajetória, é importante elaborar um bom planejamento, afinal, é preciso analisar a situação e ter certos cuidados para que as escolhas não tragam frustrações. A seguir, mostraremos a maneira mais acertada de redirecionar sua atuação profissional.

Confira!

Principais motivos para a transição de carreira

Cada um tem seus motivos para desejar atuar em outro seguimento, mas os mais comuns são:

  • desilusão com a profissão escolhida: algumas vezes, a escolha feita pode não ser aquilo que se espera. Muitos profissionais podem se sentir desiludidos quando a carreira primeiramente definida não condiz com o que sonhou e isso faz com que eles avaliem outras possibilidades;
  • aumento de desemprego: não é de hoje que sabemos que algumas carreiras não oferecem tantas oportunidades aos trabalhadores. Quando há dificuldade em conseguir um emprego na área desejada, as pessoas acabam se adaptando à realidade, buscando outros caminhos;
  • estagnação profissional: em algum momento, você pode chegar a um ponto em que não consegue visualizar um progresso em seu trabalho. Essa sensação de que você permanece no mesmo lugar, estagnado, pode ser a porta para procurar outras possibilidades;
  • busca por um propósito de vida que o ajude a se sentir realizado como pessoa e profissional.

Mesmo que você tenha outra razão para mudar o rumo da sua vida profissional, o importante é procurar por algo que faça você se sentir bem, realizado e satisfeito, pois só assim fica mais fácil conseguir obter os resultados esperados.

Porque fazer um planejamento na hora de fazer a transição de carreira

Antes de partir para uma nova etapa, é fundamental ter cautela e planejar seus passos, pois a falta de um bom planejamento pode te levar a tomar a direção errada, prejudicando não apenas sua própria carreira, mas, também, sua vida pessoal.

O mercado pode nem sempre ser favorável com as suas escolhas, por isso, é importante que você fique atento ao que acontece no mundo dos negócios e como anda a situação na sua região.

Sendo assim, você deve estar preparado para o mercado de trabalho, mesmo que seja para seguir uma carreira autônoma. Para isso, se qualifique na área desejada e pesquise sobre sobre a estabilidade da nova carreira e as oportunidades que estão aparecendo no país. Você deve ter todas as informações sobre o ramo que deseja atuar.

Além disso, é necessário observar a valorização dos profissionais dessa área, assim como a oferta de emprego. Claro que existem outros aspectos que devem ser levados em consideração, como o bem-estar que a nova carreira pode trazer. No entanto, é importante analisar se o salário é compatível com o que você espera.

É preciso ir longe e pensar com calma, analisando como seus pontos fortes e fracos se encaixam nessa nova jornada.

Benefícios do planejamento na hora de mudar de carreira

Como falamos acima, planejar é importante e os principais benefícios que isso traz são:

  • visão mais detalhada do mercado atual sobre essas e outras oportunidades, especialmente em momentos de crise;
  • análise mais aprofundada sobre as possibilidades de encontrar uma nova colocação;
  • autoconhecimento sobre suas competências e desafios, permitindo buscar seu autodesenvolvimento pessoal;
  • foco no que é, de fato, importante e que trará mais satisfação profissional;
  • decisões mais acertadas, pois com um bom plano você consegue maximizar resultados positivos, reduzindo ao máximo falhas que podem trazer prejuízos.

Dicas para fazer uma transição de carreira mais eficiente

Para você ter certeza de que chegou o momento de mudar e procurar por outra ocupação, é preciso seguir algumas dicas, como:

Reconheça sua zona de conforto

O nosso cérebro é programado para atender nossas necessidades. É por isso que adaptamos nossa realidade conforme nosso conforto. No trabalho, não é diferente: você pode estar acostumado com o salário e a rotina e isso faz com que a vontade de uma mudança seja cada vez menor.

Contudo, se você busca uma transição de carreira, é preciso ter ciência dessa zona de conforto e manter em mente que a mudança deve ocorrer, mesmo que isso signifique sair do seu estado atual e colocar em prática suas ações.

Descubra seu propósito de vida

Mudar de carreira apenas para escapar do seu emprego não trará a satisfação que você busca. Ao contrário, isso pode acarretar novos problemas e frustações. Você deve conhecer seus talentos e habilidades e buscar por algo que trará realizações.

Pense no que você faria que traria mais felicidade e bem-estar. Depois disso, procure por algo que te deixará mais completo e que esteja ligado aos seus sonhos.

Algumas vezes, a pessoa pode se sentir plena na profissão, mas desgostosa com o local de trabalho. Se esse for o seu caso, então busque por um reposicionamento de carreira em outra empresa.

Prepara-se para a mudança

Para qualquer transição, é preciso estar preparado. Assim, converse com profissionais que exerçam a carreira que você deseja seguir, leia mais e pesquise sobre informações que tem ajudem a conhecer melhor a profissão.

Você deve voltar a estudar e se envolver com esse novo meio que escolheu, tirando suas dúvidas e se mantendo preparado para a mudança que ocorrerá.

Planeje suas finanças

Redirecionar a carreira pode ser uma vontade, mas é necessário ser prático. Por isso, faça uma reserva financeira para que surpresas não aconteçam.

Você pode levar algum tempo até se encaixar na nova profissão ou conseguir se estabilizar na nova carreira. Dessa forma, mantenha sempre um valor guardado para manter sua rotina até que tudo esteja certo e você possa desfrutar da oportunidade.

A transição de carreira não é algo impossível, basta ter tranquilidade na hora de escolher o ramo profissional, fazer planos detalhados e seguir as dicas acima. Com isso, você poderá se tornar mais realizado e contente com suas escolhas. Para facilitar ainda mais a sua vida, a PD Gestão de Imagem e Carreira é uma empresa especializada em ajudar profissionais a terem mais sucesso em sua trajetória.

Quer conhecer outras dicas importantes de como fazer uma gestão de carreira? Baixe nosso e-book “Gestão e Transição de Carreira”.