Os temíveis ruídos na comunicação e o que fazer para evitá-los

Conseguir passar uma mensagem de forma adequada e fazer com que nossos interlocutores nos compreendam é algo essencial para evitar problemas, tanto na vida profissional quanto na pessoal. No entanto, isso nem sempre é fácil de ser feito e, por isso mesmo, preparamos um post falando sobre os temíveis ruídos na comunicação e o que fazer para evitá-los.

Falar com clareza e competência ajuda a ter uma boa imagem e pode ser um dos seus pontos fortes dentro de uma organização. Por outro lado, não fazer isso pode atrapalhar bastante o seu caminho para o sucesso e até mesmo ofuscar outras competências que você tenha. Continue lendo e aprenda mais sobre o tema!

Afinal, o que são os ruídos na comunicação?

Os ruídos na comunicação podem ser entendidos como qualquer falha ou interferência indesejada, que acabe atrapalhando a compreensão de uma informação a ser transmitida. Como resultado, a mensagem passada ao interlocutor pode não assimilar o conteúdo e, com isso, uma série de consequências indesejadas podem ocorrer.

Esse tipo de circunstância pode ocorrer na vida pessoal, entre amigos, familiares, vizinhos e assim por diante. No entanto, no ambiente corporativo, tal situação é ainda mais indesejável, pois pode acarretar prejuízos, conflitos, impedir que oportunidades sejam aproveitadas ou até mesmo trazer problemas de gestão.

Quais problemas os ruídos na comunicação podem causar?

São inúmeros os problemas que os ruídos na comunicação podem causar. Um dos mais notáveis é causar dificuldades no aprendizado, uma vez que colaboradores que não compreendam bem os feedbacks fornecidos ou mesmo que não entendam as informações que estão sendo passadas em treinamentos terão dificuldades em se desenvolver.

gestão de imagem

Outro ponto problemático é a ocorrência de conflitos interpessoais, que podem ter um grande poder destrutivo sobre o trabalho em conjunto. Até mesmo a estabilidade emocional de uma equipe pode ser afetada, sobretudo quando houver um mal-entendido sobre algo que foi dito ou quando não houver o devido cuidado com a troca de informações.

Como evitar os ruídos na comunicação?

Como você viu, os ruídos na comunicação podem ser bastante nocivos no ambiente corporativo. No entanto, existem muitas maneiras de evitá-los e algumas práticas são bastante simples de serem adotadas. O primeiro passo é definir quem vai receber a mensagem, pois entender quem será o receptor ajuda a escolher o melhor tipo de abordagem.

Depois, é hora de escolher a forma de comunicação, decidindo como transmitir as ideias e informações, sabendo o momento certo e o meio mais adequado para isso. No caso de empresas e equipes, uma boa ideia é proporcionar o treinamento das habilidades comunicacionais, pois a qualidade no diálogo pode ser um grande diferencial para o negócio.

Como você viu, os ruídos na comunicação podem ser um grande problema, mas é possível evitá-los por meio da adoção de algumas medidas simples e que melhorem a capacidade dos interlocutores.

Gostou de aprender mais sobre os ruídos na comunicação? Quer conferir mais conteúdos como esse? Então, não deixe de nos seguir no Facebook, no Twitter e no LinkedIn!

autoconfiança na marca pessoal

Patricia Dalpra é Estrategista em personal branding e gerenciamento de carreira.

O trabalho que Patricia Dalpra desenvolve surgiu de uma vontade e de uma certeza: vontade de levar pessoas e empresas a crescer, alcançar seus objetivos de negócios e de imagem e se relacionar melhor com outras pessoas e empresas; e certeza de que um trabalho estruturado de gestão de imagem e carreira é um dos melhores caminhos para se chegar lá. Ao longo de mais de uma década, a Patricia Dalpra já trabalhou para centenas de profissionais, executivos, empresários, atletas, instituições e empresas.

Specialties: Gestão de imagem, gestão de carreira e coaching. Personal branding, branding executivo, brand on, brand off, estudo do dna pessoal e corporativo e comunicação.

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *