O que é Marketing de Conteúdo e por que você deve tê-lo em sua estratégia

Existem várias estratégias de marketing que podem ser aplicadas em uma empresa. Mas, você sabe o que é marketing de conteúdo e o impacto desse método para o sucesso do negócio?

Na internet, as pessoas estão expostas diariamente a diversos conteúdos, sejam fotos, textos, vídeos, dentre outros. Mas, para obter diferencial, é necessário aplicar estratégias que agreguem mais valor, fazendo com que a pessoa se interesse pelo seu material e veja que pode contribuir com informações, interesses ou problemas.

Por isso, neste artigo, apresentaremos como fazer e quais benefícios seu negócio pode obter por meio do marketing de conteúdo. Confira mais detalhes a seguir!

O que é o marketing de conteúdo?

O primeiro passo é que você compreenda em detalhes sobre o que é Marketing de Conteúdo

Esse tipo de estratégia tem como foco atrair potenciais clientes e promover o engajamento desses usuários com a marca. 

Geralmente, para que esses conteúdos sejam efetivos, eles consideram que tais pessoas têm características semelhantes e de interesse para a marca, formando o público-alvo da sua empresa, ou mesmo as personas, personagens mais específicos em dores e interesses.

Ao considerar tais aspectos e produzir conteúdo de valor, é possível fazer com que sua empresa tenha o aumento de clientes ou de leads (que são clientes em potencial). 

Por meio desse material é possível atrair novos clientes, assim como envolvê-los com o conteúdo, criando uma boa percepção acerca da sua marca e negócio, criando valor e um relacionamento de confiança a longo prazo. 

Sua empresa precisa conhecer o público, pois ele tem algumas preferências e conteúdos que considera relevantes. 

Por isso, esse trabalho visa que a empresa crie um conteúdo que seja relevante, atrativo e que consiga chamar a atenção do público-alvo, aproximando-o de forma natural do negócio e possibilitando novos negócios.

Para chamar a atenção do cliente, o conteúdo precisa agregar algum tipo de benefício, seja tirar uma dúvida ou esclarecer algum tema, por exemplo.

Por isso, esse tipo de ação de marketing trabalha no conhecimento da jornada de compra do consumidor e nos temas que ajudam na evolução da jornada de compra, considerando os objetivos da marca. 

Conheça a jornada de compra do consumidor

O marketing de conteúdo precisa trabalhar integrado com as estratégias de marketing da sua empresa. 

Para isso, é essencial conhecer o processo de jornada de compra do consumidor. Isso é importante porque o cliente nem sempre tem a certeza do que precisa consumir.

gestão de imagem

Muitas vezes, a pessoa ainda não identificou quais são os seus problemas e nem tem uma marca ou empresa como referência. 

Já em outros casos, pode estar mais decidida, já sabe que quer realizar um processo de compra ou, até mesmo, tem interesse em se cadastrar para receber algum conteúdo da empresa, por meio de uma newsletter ou email-marketing, pois compreende que tem relevância em um nicho que pode resolver uma necessidade.

Como elaborar uma boa estratégia de marketing de conteúdo?

Para montar uma boa estratégia de marketing de conteúdo precisamos falar sobre a estratégia do Inbound Marketing, que é voltado para o marketing de atração do cliente. 

A partir disso, é possível elaborar uma estratégia levando em conta 5 elementos:

  • Planejamento;
  • Definição de persona e público-alvo;
  • Desenvolvimento de conteúdos relevantes;
  • Distribuição dos conteúdos;
  • Mensuração de resultados. 

Entendendo cada uma dessas etapas é possível visualizar uma melhor estratégia para a divulgação da marca, alcançando novos públicos com cada vez mais qualidade;

Na prática, o planejamento consiste em um plano que vai definir as metas e objetivos da empresa, quais canais podem ser utilizados e quais conteúdos podem ser desenvolvidos. Tudo isso, a partir de uma identidade visual da marca e conhecimento do mercado.

O processo de elaborar uma persona parte da escolha do público-alvo. A persona, nada mais é que um personagem fictício que representa os clientes. Conforme os nichos de público e atuação, é possível desenvolver mais de um a persona, permitindo criar campanhas mais segmentadas e que promovem resultados. 

O processo de criar o conteúdo pode ser feito a partir de vários formatos, como vídeos, e-books, fotografias e artes. A ideia é fazer esse material a partir das características do público, assim como do canal de veiculação, fazendo com que seja atrativo, de valor e informativo o suficiente para fazer o lead evoluir na jornada de compra. 

Além do processo de criação dos conteúdos, é fundamental saber onde eles serão distribuídos. Por exemplo, você pode criar um conteúdo para redes sociais, assim como para o disparo via email marketing. Assim, é preciso considerar a profundidade e objetivo do material, bem como as especificidades de cada canal, para que o material seja efetivo.

Para fechar nossa lista, é crucial investir na mensuração de resultados, que compreende em ações para visualizar quais foram os resultados das campanhas, levando em conta o objetivo traçado, com métricas como tráfego obtido, taxas de conversão, ROI, o tempo de permanência do cliente na página, dentre outros aspectos importantes. 

Redes sociais

Para divulgar o seu conteúdo, é possível investir em anúncios publicitários, levando em conta o poder de atração e possibilidade de segmentação desses materiais, isso sem perder as características do marketing de conteúdo, visto que materiais educativos podem ser patrocinados. 

Além disso, nas redes sociais, essas ações se destacam, possibilitando atingir um maior público que tem potencial de conversão, aproximando a marca ainda mais da rotina dos consumidores. Afinal, diariamente as pessoas acessam suas redes, tendo contato direto com a marca.

Outra vantagem é a possibilidade de mensurar o alcance do conteúdo nessas plataformas, que oferecem campanhas menos custosas e facilitam a produção de materiais orgânicos e patrocinados, visto que é possível acompanhar o comportamento e os interesses da audiência, conhecendo melhor o consumidor, seja usando o Instagram ou o Twitter Ads

Dessa forma, sua empresa tem a possibilidade de atingir o público correto por meio de bons conteúdos e estratégias que visam a escolha de palavras-chaves para identificação dos algoritmos e dos próprios usuários sobre o segmento de atuação.

Consequentemente, os potenciais clientes podem encontrar e interagir com as publicações, conhecendo melhor os produtos e serviços, agregando novas oportunidades de negócio e sucesso ao empreendimento.

autoconfiança na marca pessoal

Patricia Dalpra é Estrategista em personal branding e gerenciamento de carreira.

O trabalho que Patricia Dalpra desenvolve surgiu de uma vontade e de uma certeza: vontade de levar pessoas e empresas a crescer, alcançar seus objetivos de negócios e de imagem e se relacionar melhor com outras pessoas e empresas; e certeza de que um trabalho estruturado de gestão de imagem e carreira é um dos melhores caminhos para se chegar lá. Ao longo de mais de uma década, a Patricia Dalpra já trabalhou para centenas de profissionais, executivos, empresários, atletas, instituições e empresas.

Specialties: Gestão de imagem, gestão de carreira e coaching. Personal branding, branding executivo, brand on, brand off, estudo do dna pessoal e corporativo e comunicação.

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *