transição de carreira

Afinal, como superar o medo da transição de carreira?

Nos tempos atuais, boa parte das pessoas não está satisfeita com um emprego comum. Muitas vezes, queremos saber que estamos contribuindo para a sociedade e deixando nossa marca pessoal, qualquer que seja o nosso ramo ou o segmento de atuação. Por isso, você não pode deixar de saber como superar o medo da transição de carreira.

Esse pode ser um momento de incertezas e desafios, mas que é necessário para a realização de sonhos e a conquista de objetivos, ainda que isso possa ser difícil de ser percebido nas etapas iniciais. Você também está vivendo esse dilema? Então, não deixe de conferir o conteúdo a seguir.

Por que alguém investe na transição de carreira?

Uma transição de carreira não tem implicações apenas na vida profissional. O fato é que, dependendo da escolha e da mudança, essa é uma atitude que pode gerar uma quebra de paradigmas dentro de nós mesmos, aumentando os nossos níveis de felicidade, reduzindo o estresse e trazendo satisfação pessoal.

No entanto, como precisamos pagar as contas no final do mês e, na maioria das vezes, temos outras pessoas que dependem da gente, é comum ter medo e diversos outros sentimentos negativos nesse momento. É crucial, então, ter autoconfiança para superar os desafios e, com o passar do tempo, prosperar profissionalmente.

Quais as dicas para uma boa transição de carreira?

Como você pôde ver acima, é natural que alguém invista na transição de carreira não apenas por questões pessoais, mas também porque isso implica uma satisfação pessoal e uma maior autorrealização, sobretudo em médio e longo prazo. Continue lendo e confira algumas dicas para ter sucesso nessa empreitada!

gestão de imagemPowered by Rock Convert

Desenvolva o autoconhecimento

O primeiro passo para uma boa transição de carreira é elevar seus níveis de autoconhecimento. Afinal, é muito importante que você saiba o que lhe traz felicidade e quais são os seus pontos fortes, de maneira que possa cruzar essas informações e, dessa forma, escolher um novo ofício ou ramo de atuação no qual você possa prosperar. 

Analise seus maiores interesses

O passo seguinte do autoconhecimento é analisar quais são os seus principais interesses na área em que deseja atuar. Você deve explorar minuciosamente as novas opções de carreira que se apresentam, mas não deixando de revisar os projetos bem-sucedidos que você já executou, identificando as suas habilidades mais desenvolvidas.

Esquematize a sua transição

Agora que você já domina os elementos relacionados a si mesmo e ao seu passado profissional, chegou a hora de olhar para o futuro. Avalie qual é a sua reserva financeira, quais são os cursos que você deve realizar e como pode melhorar o seu networking. Coloque no papel o passo a passo e veja de quanto tempo você precisará para alcançar o seu objetivo.

Como você pôde ver, o medo da transição de carreira é um sentimento comum, mas que pode ser minimizado com um bom autoconhecimento e com o planejamento adequado. Um suporte especializado pode auxiliar nesse processo, sobretudo se estiver relacionado com serviços e soluções de coaching!

Quer contar com uma ajuda para superar o medo da transição de carreira? Entre em contato com a nossa empresa e conheça as soluções que temos para oferecer!

autoconfiança na marca pessoalPowered by Rock Convert

Patricia Dalpra é Estrategista em personal branding e gerenciamento de carreira.

O trabalho que Patricia Dalpra desenvolve surgiu de uma vontade e de uma certeza: vontade de levar pessoas e empresas a crescer, alcançar seus objetivos de negócios e de imagem e se relacionar melhor com outras pessoas e empresas; e certeza de que um trabalho estruturado de gestão de imagem e carreira é um dos melhores caminhos para se chegar lá. Ao longo de mais de uma década, a Patricia Dalpra já trabalhou para centenas de profissionais, executivos, empresários, atletas, instituições e empresas.

Specialties: Gestão de imagem, gestão de carreira e coaching. Personal branding, branding executivo, brand on, brand off, estudo do dna pessoal e corporativo e comunicação.

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *